1 2 3 Conte Comigo Outra Vez

1454

VILASESAMO1Gosto do Vila Sésamo mesmo antes de nascer. Explico: cresci ouvindo meus irmão dizerem “você precisava ter visto o Vila Sésamo”, ou “você precisava ter conhecido o Ênio, ou o Beto, ou o Come-come”… isso porque a primeira versão brasileira do mais importante programa de TV para crianças da história foi ao ar de 1972 a 1977 e eu nascei no meio disso, em 1974. Eu não me lembro de quase nada: era uma memória maravilhosa de ouvir da boca dos meus irmãos.

Enquanto isso, eu me contentava com o Muppet Show, que aqui no Brasil teve horário fixo no final dos anos 70 e meados de 80. Assim nasceu minha paixão pelos bonecos. É quase um fanatismo, confesso. (a ponto de eu ter meu próprio Muppet criado na oficina de Muppets dentro da loja FAO Schwarz, em Nova York… mas esta é outra história!).

Imaginem minha alegria ao ver minha filha Clarice, no auge de seus 1 ano e 7 meses, estar completamente apaixonada pelo Ênio. E foi por acaso. Ela conheceu os bonecos manipulados assim em programas de TV há alguns meses, por causa do Cocoricó (que, claro, são completamente inspirados nos programas de Jim Henson, o norte-americano que criou a turma do Vila Sésamo e tudo o mais). Mas o Ênio, na verdade, estava nas minhas de DVDs infantis na capa do 1 2 3 Conte Comigo Outra Vez, um DVD-livro em que o personagem é o mestre de cerimônias de uma série de números musicais que querem ensinar a criança a contar. Ela pediu e eu coloquei no aparelho, mas não botei muita fé, uma vez que ela não estaria exatamente envolvida com números …. e, claro, eu estava enganada!

Ela não se interessou muito pelo início, em que Ênio aparece passeando pela Vila Sésamo até que encontra uma chave de quarto de hotel com o número 7. Ele entra o hotel e informa os gerentes e, a partir daí, a gente descobre que ninguém ali (assim como o possível espectador) sabe exatamente para que servem os números. Ênio trata de resolver isso e aí segue uma sequência de musicais e técnicas de memorização que fizeram o programa ser tão famoso desde a estreia, em 1969. O que a gente vê no DVD é uma série de animações ou esquetes de várias fases do Vila Sésamo, costurados por divertidíssimos diálogos dentro do hotel. Eu me divirto com a Clarice, principalmente porque ela já canta e conta: não sabe para que serve ainda, mas fala de 1 a 20 quase sem errar. Mas, o mais importante: está ligada aos bonecos por afeto e porque os programas são acima de tudo, concebidos de forma inteligente, sem achar que criança é ‘bobinha’. Por isso que os “grandinhos” – como meu irmãos eram até – e adultos têm prazer em sentar ao lado do filho e se divertir – ou mesmo aprender – com um bom programa de televisão.

A minha irmã que há alguns anos tinha um boneco do Ênio em casa, presenteado por mim, acabou perdendo o brinquedo para a Clarice. Mas adivinha se ela reclama? Basta um sorriso + um “o enuuuuu!!!!” da minha filha cada vez que reencontra o boneco na sala, para perceber que o “empréstimo” vale a pena.

O Vila Sésamo nunca saiu do ar no Estados Unidos e tem zilhões de derivados. Aqui no Brasil, a versão que foi ao ar em 2007 é transmitida na TV Cultura e pela TV Rá Tim Bum. Também entrou para a programação para crianças no Netflix, além de vários DVDs.

123contecomigo

1 2 3 Conte Comigo Outra Vez – Vila Sésamo

ST2 Kids

2008

Deixe uma resposta